quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Atrás de um Executivo Bancário

"...Atrás de cada executivo bancário e negociante cínico, perfila-se um economista garantindo-lhe, de uma posição de autoridade intelectual incontestada, que as suas acções têm utilidade pública e não devem em caso algum ser objecto de fiscalização colectiva..."
Tony Judt

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial